quinta-feira, 15 de junho de 2017

domingo, 4 de junho de 2017

domingo, 21 de maio de 2017

sábado, 15 de abril de 2017

sexta-feira, 14 de abril de 2017

quarta-feira, 22 de março de 2017

quinta-feira, 2 de março de 2017

quarta-feira, 1 de março de 2017

Quarta de carnaval lapidando os ouvidos...

"The long and winding road" só pode ter sido plagiada de algum encontro celestial entre anjos. Linda demais... a long, long time ago...

terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

O Mestre

— É pecado sonhar?
— Não, Capitu. Nunca foi.
— Então por que essa divindade nos dá golpes tão fortes de realidade e parte nossos sonhos?
— Divindade não destrói sonhos, Capitu. Somos nós que ficamos esperando, ao invés de fazer acontecer.
Machado de Assis - Dom Casmurro

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Exato!

A imagem pode conter: 3 pessoas, texto

Novo estado físico da matéria

Pesquisadores da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, conseguiram fazer um modelo para reproduzir um novo tipo de matéria, os chamados cristais do tempo.
A existência desse novo estado foi proposta pelo Nobel de Física de 2012, Frank Wilczek. A ideia do cientista causou muito debate no meio científico e agora foi reafirmada com o modelo no artigo publicado no Physical Review Letters.
Com base no modelo, duas equipes independentes, uma da Universidade de Maryland e uma da Universidade de Harvard, criaram seus próprios cristais do tempo. Quando esses estudos forem avaliados e publicados, podemos ter a prova final de que os cristais do tempo existem.
"É um novo estado da matéria. Também é muito legal porque é um dos primeiro exemplos de matéria de não-equilíbrio", diz Norman Yao, coordenador da pesquisa da Universidade da Califórnia e participante dos grupos de pesquisa das outras universidades.
Texto retirado de: https://noticias.uol.com.br/ciencia/ultimas-noticias/redacao/2017/01/31/cientistas-confirmam-um-novo-estado-da-materia-os-cristais-do-tempo.htm?cmpid=fb-uolnot-astro

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

A Feminina Voz do Cantor

Minha mãe que falou
Minha voz vem da mulher
Minha voz veio de lá, de quem me gerou
Quem explica o cantor
Quem entende essa voz
Sem as vozes que ele traz do interior?

Sem as vozes que ele ouviu
Quando era aprendiz
Como pode sua voz ser uma Elis
Sem o anjo que escutou
A Maria Sapoti
Quando é que seu cantar iria se abrir?
Feminino é o dom
Que o leva a entoar
A canção que sua alma sente no ar
Feminina é a paixão
O seu amor musical
Feminino é o som do seu coração
Sua voz de trovador
Com seu povo se casou
E as ruas do país são seu altar
Feminina é a paixão
No seu amor musical
Feminino é o som do seu coração
Sua voz de trovador
Com seu povo se casou
E as ruas do país são seu altar
A cidade é feliz
Com a voz do seu cantor
A cidade quer cantar com seu cantor
Ele vai sempre lembrar
Da lenha de um fogão
Das melodias vindo lá do quintal
As vozes que ele guardou
As vozes que ele amou
As vozes que ensinaram: bom é cantar

Milton Nascimento

Acho que vale como sugestão. Já ouvi todos!

Resultado de imagem para genesis selling england by the pound

Os 50 melhores álbuns de Rock Progressivo da História segundo Classic Rock Magazine

01. “Selling England by the Pound”(1973) – Genesis
02. “Close to the Edge”(1972) – Yes
03. “Dark Side of the Moon” (1973) – Pink Floyd
04. “The Lamb Lies Down on Broadway”(1974) – Genesis
05. “Wish You Were Here” (1975) – Pink Floyd
06. “In the Court of the Crimson King” (1969) – King Crimson
07. “Foxtrot” (1972) – Genesis
08. “Relayer” (1974) – Yes
09. “The Wall” (1979) – Pink Floyd
10. “In Absentia” (2002) – Porcupine Tree
11. “Going for the One” (1977) – Yes
12. “Red” (1974) – King Crimson
13.“Brain Salad Surgery”(1973) – Emerson, Lake & Palmer
14. “Brave” (1994) – Marillion
15. “Pawn Hearts” (1971) – Van Der Graaf Generator
16. “A Trick of the Tail” (1976) – Genesis
17. “Misplaced Childhood (1985) – Marillion
18. “Watershed” (2008) – Opeth
19. “Music Inspired by the Snow Goose” (1975) – Camel
20. “Systematic Chaos” (2007) – Dream Theater
21. “In the Land of Grey and Pink” (1971) – Caravan
22. “The Yes Album” (1971) – Yes
23. “Tubular Bells” (1973) – Mike Oldfield
24. “Tales from Topographic Oceans” (1973) – Yes
25. “Metropolis Pt. 2: Scenes from a Memory” (1999) – Dream Theater
26. “Thick as a Brick” (1972) – Jethro Tull
27. “2112” (1976) – Rush
28. “The Wake” (1985) – IQ
29. “Moving Pictures” (1981) – Rush
30. “Fear of a Blank Planet” (2007) – Porcupine Tree
31. “Operation: Mindcrime” (1988) – Queensryche
32. “Snow” (2002) – Spock's Beard
33. “Subterranea” (1997) – IQ
34. “Snakes & Arrows” (2007) – Rush
35. “Moonmadness” (1976) – Camel
36. “Deadwing” (2005) – Porcupine Tree
37. “Fugazi”(1984) – Marillion
38. “Meddle” (1971) – Pink Floyd
39. “A Farewell to Kings” (1977) – Rush
40. “Lateralus” (2001) – Tool
41. “Fragile” (1971) – Yes
42. “UK” (1978) – UK
43. “Duke” (1980) – Genesis
44. “Rock Bottom” (1974) – Robert Wyatt
45. “Trilogy” (1972) – Emerson, Lake & Palmer
46. “Seven” (2004) – Magenta
47. “Nursery Cryme” (1971) – Genesis
48. “Radio Gnome Invisible Pt 2: Angel's Egg” (1973) – Gong
49. “Afraid of Sunlight”(1995) – Marillion
50. “Space Ritual” (1973) – Hawkwind

Retirado de http://whiplash.net/materias/melhores/093224-genesis.html

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Parece um Mago...

Parecendo que saiu de um conto do Tolkien, Leland Sklar é um dos mestres dos graves. Aqui o cara detonando com o Toto em um clássico. Viva a Africa!

Toto - "Africa" live

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Uma aula de História com a Donzela de Ferro!

Resultado de imagem para iron maiden somewhere in time

"Alexander The Great" - Iron Maiden

"My son ask for thyself another
Kingdom, for that which I leave
is too small for thee"
(King Philip of Macedonia - 339 B.C.)

Near to the east
In a part of ancient Greece
In an ancient land called Macedonia
Was born a son
To Philip of Macedon
The legend his name was Alexander

At the age of nineteen
He became the Macedon King
And he swore to free all of Asia Minor
By the Aegian Sea
In 334 B.C.
He utterly beat the armies of Persia

Alexander the Great
His name struck fear into hearts of men
Alexander the Great
Became a legend 'mongst mortal men

King Darius the third
Defeated fled Persia
The Scythians fell by the river Jaxartes
Then Egypt fell to the Macedon King as well
And he founded the city called Alexandria

By the Tigris river
He met King Darius again
And crushed him again in the battle of Arbela
Entering Babylon
And Susa, treasures he found
Took Persepolis the capital of Persia

Alexander the Great
His name struck fear into hearts of men
Alexander the Great
Became a God amongst mortal men

A Phrygian King had bound a chariot yoke
And Alexander cut the 'Gordian knot'
And legend said that who untied the knot
He would become the master of Asia

Hellenism he spread far and wide
The Macedonian learned mind
Their culture was a western way of life
He paved the way for Christianity

Marching on, marching on
The battle weary marching side by side
Alexander's army line by line
They wouldn't follow him to India
Tired of the combat, pain and the glory

Alexander the Great
His name struck fear into hearts of men
Alexander the Great
He died of fever in Babylon

quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

É de chorar...

Um dos maiores ícones do Progressivo fazendo uma versão belíssima de Heroes. Peter Gabriel cantando David Bowie!

Peter Gabriel - "Heroes" live

Leon Tolstói



Mais doentes ainda são, sem dúvida, aqueles que veem nos outros sinais de loucura que não veem si mesmos.