quinta-feira, 7 de maio de 2015

10 contos de até 100 caracteres



O marido morreu de tifo, a filha mais velha se perdeu e o frio, que foi bom.
AGATHA COUTO, GOIÂNIA – GO

Em Vênus, Jack olhou na água e encontrou a única coisa que ele apostaria não encontrar lá: um homem.
ALAN CRISTIE, RIO DE JANEIRO – RJ

No começo, descrença. Depois, medo, ao ver Bob — tão pequeno — olhando para a faca daquele jeito.
ALESSANDRO GARCIA, PORTO ALEGRE – RS

Dei-lhe um beijo e pronto. Foi tudo o que eu queria naquela noite. Não pedi telefone nem o nome.
ALEX ANDRADE, RIO DE JANEIRO – RJ

No farol, o menino estende a mão ao carro. Usa nariz de palhaço. Os olhos refletem o brilho do sol.
ALEXANDRE STAUT, SÃO PAULO – SP

Lá do alto, a lua me sorria. Talvez porque, como eu, encontrou alguém que lhe fizesse bem.
ALISSON WYNFRITH, GOIÂNIA – GO

Quando apertou o gatilho, Mylena não imaginava que o disparo levaria 100 mil anos para atravessar o universo.
ANDERSON FONSECA, BREJO SANTO – CE

Adão tinha de tudo. Celular, mp3, Marlboro. É que Solange, adepta do pompoarismo, tirava de letra as revistas íntimas.
ANDRÉ TIMM, PORTO ALEGRE – RS

–– Se for o Capeta, diz que eu tô no banho.
ANDREA DEL FUEGO, SÃO PAULO – SP

saía sempre de terno, mas adorava saia e salto alto, bem alto.
ARTHUR PORTO, GOIÂNIA – GO


Um comentário:

tatianecaroline disse...

“Eu ainda faço café para dois.” - Zak Nelson